Cultura da Conexão de Henry Jenkins – parte três

  Sendo o último post da série (veja as partes um e dois), focarei nas conclusões e minha opinião sobre o livro como um todo. Nos últimos capítulos, Jenkins cita três grupos que se beneficiam (e utilizam) a cultura do compartilhamento em seus trabalhos: a mídia independente, a mídia católica/evangélica e a mídia ativista. De […]

Cultura da Conexão de Henry Jenkins – parte dois

Continuando minha resenha sobre esse livro, partimos para os capítulos em que Jenkins fala sobre mensuração de resultados (confesso que é a parte que eu mais gostei). Ele fala menos de técnicas e mais sobre uma reflexão sobre como mensurar e monetizar a audiência dentro dessa cultura de compartilhamento. Ele diz que nós, analistas de […]

Cultura da Conexão de Henry Jenkins – parte um

Comecei a ler esse interessante livro do famoso estudioso Henry Jenkins, principal referência em transmídia. O livro fala basicamente do que ele chama de Mídia Propagável, ou seja, nosso famoso viral. Nesse ponto, ele já deixa claro o porquê de não gostar do termo viralidade. Ele diz que a ideia de viral pressupõe que algo […]

Reconsiderações conceituais sobre Transmedia Storytelling – Parte I

Esse post faz parte de uma série de posts sobre Transmídia, que serão escritos pelo Fernando Collaço.  Aproveitando a repercussão da discussão conceitual sobre Transmedia Storytelling entre Henry Jenkins e David Bordwell, é pertinente observarmos algumas reconsiderações propostas por Jenkins em seu blog sobre o conceito em questão, cunhado por ele e muitas vezes distorcido […]

Narrativa transmídia ou Transmedia Storytelling

Interessante o conceito de narrativa transmídia (=transmedia storytelling), definido por Henry Jenkins no seu livro “Cultura da Convergência“. O capítulo 3 do livro utiliza, como grande exemplo, o aparato narrativo da trilogia Matrix dos irmãos Wachowski. Jenkins cita que a narrativa de Matrix não está concentrada apenas nos filmes. Está presente em mais outras mídias […]